Blog Farmácia

22/09/2020

As categorias campeãs de vendas no e-commerce das farmácias

A pandemia acelerou a transformação digital nas farmácias, que viram uma explosão de canais de vendas online e do e-commerce. O novo comportamento do consumidor também alavancou as vendas de algumas categorias, segundo o estudo Aprendizados da crise: desafios e oportunidades no mercado pós covid-19, da consultoria IQVIA.

Nova dinâmica e indicadores para as vendas online

De janeiro a julho de 2020, as vendas digitais no canal farma apresentaram um crescimento de 109% em relação ao mesmo período do ano anterior, um total de R$ 200,9 milhões. Os canais de vendas mais utilizados foram por meio de aplicativos, clique e retire, website e televendas.

Mercado de suplementos em ascensão

A área de consumer health foi a que apresentou o maior crescimento em vendas digitais no acumulado do ano, com destaque para a categoria de vitaminas, minerais e suplementos, que movimentou R$ 89,3 milhões. Na sequência vêm os produtos de cuidados para a face (R$ 42,2 milhões) e para o corpo (R$ 29,4 milhões de produtos vendidos).

Vendas via e-commerce (janeiro a julho)

Categoria

Valor em
R$ milhões

% vendas 2019

RX – Cardio 106 3,2%
Rx – Digestivo metabólico 89,9 2,5%
Vitaminas, minerais e suplementos 89,3 5,9%
Rx – Ginecológicos 54,8 3,8%
Cuidados face 42,2 3,3%
Cuidados cabelos 38,7 2,8%
Cuidados corpo 29,4 3,3%
Rx – Sistema nervoso 29,1 0,6%
Troca bebê 29 2%
Rx – Músculo esquelético 28,4 2,8%
Rx – aparelho respiratório 26,6 1,4%
Rx – Hemato 24,1 3,9%
Rx – Dermatológicos 22,3 2,7%
Saúde digestiva 21,6 2,7%
Fórmulas infantis 21,1 3,5%
Rx – Sistema hormonal 17,8 3,5%
Protetor solar 17 2,1%
Gripe e resfriado 16,7 1,3%
Cuidados orais 16,1 1,4%
Rx – VMS 15,7 3,1%

Consumer Health
Prescrição

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico – Acessado em: 22/09/2020

Compartilhe:


Voltar

 

Compartilhe no WhatsApp